Últimas

Post Top Ad

Your Ad Spot

Rock in Rio: Anthrax faz Palco Sunset ficar pequeno num dos melhores shows do dia

Joey Belladona e Scott Ian em ótimo show do Anthrax no festival [Foto: Adriana Vieira]
Por  Bruno Eduardo 

Com uma apresentação irretocável, o Anthrax conseguiu reunir um dos maiores públicos à frente do Palco Sunset nesta edição do Rock in Rio. Ao longo de uma hora de show, a banda comprovou no repertório formado em décadas de estarda, o motivo de ser considerada até hoje como um dos pilares do thrash metal mundial, integrando o time que ficou conhecido como Big Four, com Metallica, Megadeth e Slayer

Mesmo prejudicados pelo som baixo do Palco Sunset, que acabou ficando pequeno demais para uma banda desse tamanho, o Anthrax agitou os fãs do início ao fim da apresentação. Foi uma pancada atrás da outra, enfileirando hinos do grupo, como "Caught in a Mosh" e, principalmente, "Madhouse", clássico de 1985 (mesmo ano de estreia do Rock in Rio). Vale lembrar também que essa foi a primeira vez deles no festival, o que valeu um destaque de Scott Ian, que disse ter esperado por essa oportunidade desde a primeira edição.

Um dos grandes momentos foi em "I Am the law!", que teve o refrão cantado pelo público, que se manteve interativo com a banda, e principalmente com Joey Belladona, cantando as músicas e batendo cabeça junto com o vocalista durante todo o show. Na grade, era possível ver um mar de cabeças balançando e várias rodas de pogo sendo abertas um pouco mais para trás. Outra que elevou a animosidade da plateia foi "Antisocial", cover da banda francesa Trustlançada em 1988 no petardo State Of Euphoria, considerado até hoje um dos melhores discos da banda.

E foi com "Indians", do maior clássico lançado pelo grupo em toda sua hitória (Among the Living), que o Anthrax encerrou um dos melhores shows do dia e também do Palco Sunset nesta edição. 

Post Top Ad

Your Ad Spot