domingo, 20 de setembro de 2015

Rock in Rio 2015: Metallica supera problemas técnicos e fecha noite com show ensurdecedor

Foto: Adriana Vieira
James faz cara de mal após sofrer com problemas no som

Por Bruno Eduardo

A terceira participação consecutiva do Metallica no Rock in Rio já estava fadada ao previsível - já que a banda não lança nenhum disco novo desde 2008 e nem confirmou algo conceitual para o festival, como fizeram Iron Maiden e Bruce Springsteen em 2013, e Korn este ano. No entanto, alguns problemas técnicos logo no início da apresentação foram suficientes para injetar boas doses de suspense e tensão ao show. Para a sorte dos fãs, tudo acabou sendo resolvido e a banda pôde dar seqüência ao número sem maiores problemas. 

Mesmo com poucas novidades em termos de repertório, o Metallica comprovou mais uma vez o seu incontestável - e matador - “mais do mesmo” em cima dos palcos. O show do grupo no Rock in Rio é protocolar, mas continua sendo de uma força sonora impressionante. 

Com um atraso de trinta minutos, eles iniciaram a apresentação de forma voraz com "Fuel", "For Whom The Bell Tolls" e "Battery". Logo em seguida ("Ride the Lightning") o grupo sofreu com alguns apagões no som - causando assim, tensão entre os fãs, já que nem mesmo a banda sabia o que estava acontecendo. Por utilizarem pontos de ouvido e retornos de palco, o grupo continuava tocando no "mudo", enquanto o silêncio tomava conta da Cidade do Rock. Após notarem que estavam sem som, o grupo abandonou o palco por alguns minutos para que os problemas fossem resolvidos. De acordo com a produção do Rock in Rio, houve uma desconexão entre a linha de saída da mesa de som da banda com a mesa do festival. Poucos minutos depois, o Metallica voltou ao palco com "The Unforgiven", que pode ser vista como uma novidade, já que não foi tocada nas outras participações do grupo no festival. Mesmo assim, a música ainda foi recebida de forma tensa por alguns fãs, ainda traumatizados pelos bugs técnicos. Mas tudo não passou realmente de um acidente, e o show transcorreu normal. 

Foto: Adriana Vieira
Trujillo e Hetfield: dupla afiada e cheia de peso
Passado o susto, o grupo levou os fãs a um passeio de duas horas e meia – datado principalmente pelos hits de seu disco lançado em 1991 ("Sad But True", "Nothing Else Matters", e a já citada "The Unforgiven"), e pela velocidade dos álbuns primórdios. O alto volume dos PA's também marcou a apresentação da banda. Os riffs de faixas como "Wherever I May Roam", e "Cyanide" - do ótimo Death Magnetic, faziam tremer as estruturas da Cidade do Rock, nesse que foi o show mais alto do festival até agora. Talvez a grande novidade do set tenha sido a inclusão da faixa "King Nothing", do contestado Load (lançado em 1995). Outras boas sacadas foram as execuções de "Turn The Page" de Bob Seger, e a versão famosa de "Whiskey In The Jar", cujo vídeo clipe se tornou xodó dos fãs no mundo inteiro. Do épico And Justice For All, o bombardeio de sempre em "One" - que dispensa comentários, e "The Frayed Ends Of Sanity", que pode ser considerada outra surpresa no repertório desta noite.

Em termos de cenografia, a novidade foi uma arquibancada montada no palco, que abrigou cerca de 100 fãs. Esses puderam assistir ao show de perto, a exemplo do que havia ocorrido na apresentação da banda no Rock in Rio Las Vegas, em maio. O grupo foi selecionado em um sorteio feito pelo fã-clube oficial The Metallica Club. 

No bis, o grupo atacou com uma dobradinha Black Album, e finalizou a apresentação ensurdecedora com o hit levanta-defunto "Enter Sandman". Antes de deixar o palco, o baterista Lars Ulrich prometeu voltar "em breve" ao Rio de Janeiro.

O fato é que mesmo batendo ponto no Rock in Rio, o Metallica continua satisfazendo seus fãs com show de alto nível técnico e repertório que condiz com sua história. Com isso, a banda não se torna fadada a se tornar uma espécie de Guns N'Roses, por exemplo. Porque ao contrário desses, a qualidade é sempre garantida - mesmo quando há percalços técnicos

Foto: Adriana Vieira
Imagem emblemática e que resume o show do Metallica no Rock in Rio
Continue ligado na nossa cobertura oficial Rock in Rio. Curta a nossa fã page no facebook e siga @rockonboard no twitter e instagram.

0 comentários:

Postar um comentário