Últimas

Post Top Ad

Your Ad Spot

Rock in Rio: saiba quais experiências fizeram sucesso na primeira semana do festival

Mesmo com a chuva, o público se divertiu na Cidade do Rock [Foto: Adriana Vieira]
Nessa primeira semana, o Rock in Rio foi assunto em todas as mídias por causa do impacto causado pelos shows de nomes consagrados da música, como Foo Fighters, Bon Jovi e Drake, no entanto, o festival vai muito além de suas definições e da sua gigantesca programação oficial de shows. O maior festival de música e entretenimento do mundo tem encantado e surpreendido o público com uma série de atividades preparadas pelas marcas parceiras. As 100 mil pessoas que lotaram diariamente a Cidade do Rock puderam participar de brincadeiras, soltar a voz e concorrer a prêmios nas áreas dos patrocinadores e apoiadores do festival.

Entre os destaques do dia estão as áreas de ativação das marcas, que já viraram uma tradição entre os visitantes. Estrategicamente posicionados por toda a Cidade do Rock – que esse ano tem 385 mil metros quadrados e 17 espaços de atrações oficiais – os espaços das marcas também foram pensados para atender aos mais variados estilos e gostos. 

O Itaú, patrocinador master do Rock in Rio, por exemplo, trouxe uma banda inédita e a cada dia leva artistas já conhecidos do público para o seu palco, além de distribuir copos colecionáveis com seis opções de desenhos, que vem com uma cordinha.

Já na área da Heineken, o visitante pode tirar fotos em espaços instagramáveis, ganhar tatuagens temporárias e levar para os shows bastonetes de plástico que ajudam a animar ainda mais as plateias. A marca também é responsável pela Tirolesa, que dá a possibilidade de o público sobrevoar a frente do palco mundo de uma ponta até a outra enquanto os shows acontecem.  

Ainda na busca pela foto perfeita, o lounge da Ford traz um backdrop para lá de original. Com uma cama elástica acoplada, o visitante tem a chance de pular enquanto faz um divertido registro de sua passagem pelo festival. Entre um pulo e outro, uma banda super agitada diverte o público nos intervalos do Palco Mundo.  

A área da Coca-Cola, que na última edição fez sucesso com a superbanda ao vivo, agora põe todo mundo para dançar em uma pista de dança na qual o público torna-se a estrela do show. “Queremos oferecer uma experiência viva e interativa, para ampliar a participação do público no festival”, explicou Luciano Lucas, gerente de experiências de marcas da Coca-Cola Brasil.

Em Doritos, a diversidade não marca presença somente no que se refere à comunidade LGBTQI+, mas também na inclusão com um espaço 100% acessível – conta com rampa, mapas táteis e áudio descrição, além do cuidado de ter um staff totalmente diverso. Com o objetivo de colorir a Cidade do Rock, o lounge está bastante disputado, com filas na porta durante quase todo o tempo. "A ideia é levar o orgulho e a alegria para essas pessoas. Queremos que a experiência do festival seja igual para todos”, ressaltou Anna Carolina Teixeira, diretora de Marketing da PepsiCo.

A Ipiranga trouxe para essa edição do Rock in Rio uma estrutura que simula um posto de combustíveis, localizada na Rota 85. A estudante Raquel Rodrigues, de 23 anos, e a empresária Adriene Oliveira, de 33, vieram de Manaus, no Amazonas, para participar do festival pela primeira vez. "Achamos essa ação inteligente e criativa. A sensação é que estamos realmente recarregando as energias", comentaram.

A experiência Natura, que começa logo na entrada da Cidade do Rock, com a NAVE – Nosso Futuro é Agora, espaço que é co-criadora com o Rock in  Rio, avança pelo parque e embaixo da área VIP oferece aos visitantes a oportunidade de experimentar diversos produtos da marca, além de proporcionar uma imersão na Amazônia, com auxilio de um óculos de VR (realidade virtual). “É muito bacana ver marcas como a Natura investindo em eventos como o Rock in Rio, estar junto com este volume de pessoas. Logo que entrei no parque fui até a NAVE, pois tinha visto na TV e achei muito curioso. É incrível percebermos que temos mesmo que parar alguns minutos para pensar na vida em si”, garante Tiago Pontes, carioca de 40 anos.

Entre os apoiadores do evento, para os mais empolgados, a Prudential do Brasil, seguradora oficial do Rock in Rio 2019, recebe o público com paredão de escalada de nove metros de altura montado. Quem consegue alcançar o topo é brindado com uma vista privilegiada do festival seguida por uma divertida descida em um tobogã que termina em uma piscina de bolas. “O bacana é estar em um festival de música que mescla atrações com desafiam o público. É incrível estar aqui!”, vibrou o contador Yuri Babinsky, de 25 anos. Hoje, testaram a brincadeira os atletas da seleção brasileira de Escalada Esportiva, modalidade que acaba de entrar para o calendário dos Jogos Olímpicos. 

Se o Rock in Rio é conhecido por inovar a cada edição, as marcas parceiras também se empenham para não ficar para trás e abordar temas cada vez mais atuais. Outro assunto em voga, o conceito phygital, que contempla o encontro do mundo físico e o universo digital, é o foco da experiência na área das marcas Pão de Açúcar e Extra. No espaço Rock Start, localizado na Rock District, o público pode se aventurar no Guitar Hero e no Just Dance e participar de brincadeiras que se transformam em prêmios na vida real, associadas ao programa de fidelidade das redes de supermercados. “O legal daqui é que, além de dançar de verdade em um game e tocar guitarra virtual, ainda conseguimos recarregar o celular”, disse o carioca Johnny Braga, 32 anos. 

Logo ao lado, o espaço da Estácio divide o público entre calouros e veteranos de acordo com sua vivência no Rock in Rio. Quem passa pelo local tem à disposição um figurino rock’n’roll e instrumentos musicais para simular uma foto em momentos históricos do festival a partir de um registro em frente a um chroma key – fundo usado na produção de efeitos visuais.

Post Top Ad

Your Ad Spot