sábado, 26 de setembro de 2015

Rock in Rio 2015: Mastodon faz o show mais denso do festival

Foto: Adriana Vieira

Por Bruno Eduardo

Já era de se esperar. Com repertório fincado no seu último e ótimo trabalho de estúdio (One More Round The Sun), o Mastodon fez um show coeso e de densidade rara neste Rock in Rio. Ao todo foram sete músicas do novo disco, mostrando que a banda se mantém confiante na atual fase - que foi iniciada no álbum anterior (The Hunter). 

No show do Rock in Rio, o público pôde conferir uma prévia do mesmo rock musculoso que consagrou a banda como o maior nome da nova cena do metal americano - a New Wave of American Heavy Metal. Embora o som do PA não ajudasse muito, o grupo conseguiu fazer uma apresentação que surpreendeu pela massividade sonora. A abertura ficou por conta do rock ligeiro e expansivo de "Tread Lightly", seguida da ótima "One More Round The Sun" - cheia de viradas tentaculares do baterista Brann Dailor. Brann é quem também se destaca - desta vez cantando - na ótima "The Motherload". Outro que chama muito a atenção pela performance de palco, é o doidaço Troy Sanders - que se divide entre o baixo e os vocais cheios de expressões. Ele é também quem mais se comunica com a plateia - que fica boa parte do show sem mostrar qualquer sinal de entusiasmo.  

Na seqüência, o riff bestial de "High Road" foi comemorado pelo público como um gol. Aliás, mesmo que o destaque seja o fato da banda possuir quatro vocalistas, são nos trabalhos de guitarras que o Mastodon ganha terreno em cima do palco. "Halloween" funciona como um turbilhão de notas, já "Bladecatcher" é virtuosa e desenfreada. No fim, banda fez o caos sonoro aumentar na Cidade do Rock na execução intensa e pesadona de "Crystal Skull" e no quase trash "Blood And Thunder", do xodó de boa parte dos fãs, Leviathan. Bela apresentação.

Foto: Adriana Vieira


Cobertura #rockinrio2015
Continue ligado na nossa cobertura oficial Rock in Rio. Curta a nossa fã page no facebook e siga @rockonboard no twitter e instagram.

0 comentários:

Postar um comentário