domingo, 10 de agosto de 2014

IRA! renasce no palco do Circo Voador em noite emocionante

 Foto: Bruno Eduardo
Quase uma década depois, Nasi e Scandurra voltam juntos ao palco do Circo Voador

Nada como um dia após o outro. A última vez que o Ira! esteve no palco do Circo Voador foi em 2005. Porém, a apresentação desta noite trouxe aos fãs uma banda renovada. Não é daqueles shows de contrato, onde os caras se preocupam primeiro em cumprir compromissos, alavancar vendas e fazer a alegria do promotor. Houve uma restauração real no espírito do grupo, e nota-se claramente que eles curtem estar no palco. 

Em certos momentos, Nasi parece não acreditar no que vê. Como muitos puderam acompanhar na TV, o cara ainda se recupera de um período obscuro (essa semana, o programa "Profissão Repórter" da Globo trouxe à tona o envolvimento dele com as drogas, e esmiuçou o episódio da separação do grupo). "Estamos juntos de novo", disse emocionado. Mesmo que se "esbarrem" pouco no palco, Nasi afirmou em entrevista ao site Rock em Geral, que hoje há mais cumplicidade entre ele e Scandurra. Aliás, é sempre bom lembrar: Vai ano, volta ano, e o carequinha continua despejando solos alternados, acordes cavernosos e muita presença de palco. O estilo de Scandurra é próprio - é pedagógico aos praticantes; é um Alien aos outros mortais.

"Aqui é melhor lugar do mundo para se tocar!" - Scandurra

Em meia hora de palco o grupo já tinha enfileirado alguns de seus maiores sucessos - "Dias de Luta", "Tarde Vazia" e "Flores em Você" foram algumas que fizeram parte dessa fase de "pré-aquecimento" do show. Como a vida não é só feita de sucessos populares, como cantava Renato Russo, tivemos algumas boas surpresas no número, como "Rubro Zorro" - faixa que abre o melhor disco deles, Psicoacústica - e a pancada no pé do ouvido, "Arrastão". O acorde de "Envelheço na Cidade" continua levantando defuntos e faz o Circo Voador cantar junto o refrão mais famoso da banda. Já no bis, o grupo optou por músicas de outros artistas - acertando na cover de Hendrix para "Fox Lady", e trocando o rock pelo brega em "Bebendo Vinho". O Ira! relembrou ainda a sua famosa versão para a música do The Clash (Train in Vain), "Pra Ficar Comigo", e rebuscou em Vivendo e Não Aprendendo o golpe final da noite: "Nas Ruas". 

Resumo da ópera (rock): um dos melhores shows nacionais que o Circo Voador recebeu nos últimos tempos.

Nasi contou com a ajuda de um Circo Voador lotado para entoar sucessos

0 comentários:

Postar um comentário