segunda-feira, 3 de outubro de 2011

ROCK IN RIO 2011: SYSTEM OF A DOWN

Foto: Michael Meneses
System Of A Down de Serj Tankian tocou baixo no Rock in Rio


Por Bruno Eduardo


Após se apresentar em São Paulo na noite anterior, o System Of A Down não economizou energia para a noite "rock" do evento. Antecipando a chuva que alagaria o palco do Guns N' Roses, o quarteto sofreu com problemas no som, mas repassou a carreira de forma digna. 

Como tem sido de praxe na turnê atual, a barulheira deu início com “Prison Song”, do disco Toxicity (que está completando uma década de vida). Mais contido como de costume, Daron Malakian parecia mais concentrado nos backing vocals do que em suas estripulias com a guitarra. Em um set de 30 músicas, o grupo não menosprezou nenhum de seus trabalhos - o que
 fez render execuções antológicas de “Inervision” e “Suite Pee”. 

Curiosamente, o volume do som estava mais baixo que o de costume. Não se sabe ao certo se foi o técnico de som da banda segurou a pressão ou se havia algum problema. Nos bastidores corria o boato de isso teria ocorrido propositalmente para manter o controle na segurança física do público. O clima na grade estava realmente tenso - recorde absoluto de jovens resgatados pelos seguranças. Oficialmente, ninguém confirmou a versão.

Voltando ao show: O público foi ao delírio na versão arrastada de "Aerials" - numa das poucas vezes que o Serj toca guitarra - e ainda promoveu diversas rodas punk nas excepcionais "Chop Suey" e "Science". No fim, saudando o público com uma bandeira, "Sugar" adoçou a noite de quem aguardava a banda por mais de uma década. 

0 comentários:

Postar um comentário